• 1984

    A Lei nº 30/84 estabelece a orgânica do Sistema de Informações da República Portuguesa (SIRP) que contempla três Serviços: o Serviço de Informações Estratégicas de Defesa (SIED), o Serviço de Informações Militares (SIM) e o Serviço de Informações de Segurança (SIS). Contudo, apenas o SIS entrou em funções em 1985.
  • 1995

    A Lei nº 4/95 introduz alterações à lei orgânica do SIRP, de 1984, extinguindo o SIM e atribuindo a componente militar ao SIED, que passa a designar-se Serviço de Informações Estratégicas de Defesa e Militares (SIEDM).
  • 1997

    A 5 de Maio toma posse o primeiro Diretor-Geral do SIEDM, Embaixador António Monteiro Portugal. O SIEDM passa a funcionar na Rua Braamcamp, em Lisboa.
  • 2002

    O SIEDM muda de instalações passando a funcionar no Forte do Alto do Duque.
  • 2004

    Alteração das competências do SIEDM. Através da Lei nº 4/2004, o SIEDM perde a designação “Militares” passando de novo a SIED. Não obstante, o Serviço mantém as suas competências no âmbito do tratamento e produção de informações estratégicas em matéria de Defesa. É criado o cargo de Secretário-Geral do SIRP. O SIED e o SIS deixam de depender respetivamente, do Ministério da Defesa Nacional e do Ministério da Administração Interna passando a depender diretamente do Primeiro-Ministro através do Secretário-Geral.
  • 2007

    A Lei nº 9/2007 estabelece as orgânicas do SIRP, SIED e SIS.
  • 2014

    A Lei Orgânica nº 4/2014 altera a Lei Quadro do SIRP (Lei 30/84). A Lei 50/2014 altera a Lei 9/2007, que estabelece a orgânica do SIRP, SIED e SIS.
  • 2015

    O SIED comemora os seus 20 anos de existência.
    Em Novembro muda de instalações para o Forte D. Carlos I na Ameixoeira.